Farmacêutico que vendia atestado médico falso a R$ 50 é preso

brasil
16.06.2023, 19:02:30

Farmacêutico que vendia atestado médico falso a R$ 50 é preso

Ele atuava no Distrito Federal

Um farmacêutico foi preso pela polícia, nesta sexta-feira (16), acusado de vender atestados médicos falsos e medicamentos sem receita. Segundo a Polícia Civil, o homem atuava em Brazlândia, no Distrito Federal, desde 2020.

O suspeito vendia os documentos por pelo menos R$ 50. O preço, no entanto, subia de acordo com a quantidade de dias de afastamento. 48 horas de licensa era R$ 70, enquanto 72 era R$ 90. Ao menos 273 atestados falsos foram produzidos nos três anos de atuação.

Para falsificar os atestados, ele contava com a ajuda de uma moradora da cidade, procurada pela polícia, para produzir carimbos idêndicos ao de médicos que assinavam receitas verdadeiras recebidas na farmácia.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas